:Mdico que lesou pacientes em Londrina preso ao sair de igreja

Mdico que lesou pacientes em Londrina preso ao sair de igreja - Tv Na Rua


Mdico que lesou pacientes em Londrina  preso ao sair de igreja

O médico Alexandre Oliveira de Almeida, de 45 anos, foi preso por estelionato na noite deste domingo (26) em João Pessoa (PB). Ele é acusado pelo Ministério Público do Paraná de produzir e vender medicamentos para pacientes com doenças de pele com a promessa de cura.

O MP-PR relata na denúncia que a partir de 1999 Alexandre estabeleceu em Curitiba, Londrina e Maringá "clínicas de tratamento" para a doença chamada psoríase. Ao mesmo tempo também passou a veicular na imprensa a sua cura através de método que vinha empregando, com a utilização de medicamentos que, segundo ele, associavam substâncias "fitoterápicas, ortomoleculares e alopáticas".

Em Londrina, conforme o MP, com intuito de lucro, o médico exercia a profissão de farmacêutico. Ele próprio manipulava os medicamentos que vendeu a três pacientes na cidade.

As pessoas lesadas no Estado, conforme a ação, pagavam entre R$ 6 mil e R$ 10 mil pelos remédios e tiveram o estado de saúde agravado.

Alexandre tinha mandado de prisão expedido pela Justiça do Paraná. O médico foi detido pela Polícia Militar da Paraíba quando saía de uma igreja evangélica onde é pastor.

O tenente Henrique do Bú Araújo disse que Alexandre trabalhava desde 2013 no Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) da capital paraibana.

"O médico foi denunciado pelo Ministério Público no Estado do Paraná, e, em consequência dessa denúncia, teve o registro cassado. Ele então recorreu ao Superior Tribunal Federal (STF), pedindo transferência do registro para o Rio Grande do Norte e logo depois para a Paraíba. A Coordenadoria de Inteligência da PM nos repassou ainda que durante os levantamentos para tentar localizá-lo, foram mais de quatro mudanças de endereço que ele fez em João Pessoa".

O acusado foi encaminhado para a 12ª Delegacia Distrital, no bairro de Manaíra, onde foi constatado que ele responde pelos crimes de estelionato e exercício da profissão de médico sem autorização legal. A prisão será comunicada à Justiça do Paraná.

Visualizações 1199
Fonte: Oficina da Net
Por: Antonio Delvair Zaneti
Data: 27/01/2014 14h40min


    

JG FreiosSampei Cozinha ChinesaNoemi LanchesProdutos AlcobaçaBrasilnet Hospital do Câncer de Londrina
CONTATO

contato@nossoclick.com
antonio.zaneti@gmail.com
(43)99920-1893
TV Na Rua / CornelioDigtal / BandDigital- 2007 - 2014